Agendar Doação Sangue

Área do Médico

Portal do Colaborador

Santa Casa inicia nova etapa em Programa de Gestao Hospitalar

A Santa Casa Cachoeiro, recebeu nos últimos dias, 20 e 21 de outubro, a Consultora empresarial Cíntia Soares, responsável pela aplicaçao de mais um Módulo do programa Mais Gestao, que foi vivenciado pelos 15 colaboradores participantes com muita animaçao e empenho.


 O Módulo 5S como é instituído, será realizado em cada instituiçao participante do Programa Mais Gestao tendo duraçao de dois dias. Na oportunidade, a equipe técnica da Santa Casa recebeu todas as informações e treinamento sobre a importância da ferramenta, a conceituaçao dos 5Ss, as etapas de implantaçao, modelos de auditoria e aplicaçao prática da ferramenta 5Ss, através da reformulaçao de uma área do hospital, escolhida pelos próprios participantes, que optaram pela reorganizar da recepçao voltada para o atendimento SUS, um desafio vivenciado com muita determinaçao pela equipe, que passou o dia 21 de outubro, pintando, arrumando, limpando e decorando juntamente com a Equipe de Manutençao do Hospital que deu todo o suporte para que as açao pudessem ocorrer de forma eficaz.


 


   


                                       Equipe do setor escolhido – Recepçao


 


 


O 5s trata-se de um método para organizar o espaço de trabalho, especialmente o espaço compartilhado. Em geral é referido como uma simples metodologia de organizaçao, mas sua abrangência vai além da mera organizaçao. O propósito central do 5S é a melhoria da eficiência no ambiente de trabalho, evitando que haja perda de tempo procurando por objetos perdidos. Além disso, uma vez implementado, fica evidente quando um objeto saiu de seu lugar pré-estabelecido. Os partidários do 5S acreditam que os benefícios de sua metodologia provêm da decisao sobre o quê deve ser mantido, onde, e como deve ser armazenado. Esta decisao faz o processo advir de um diálogo sobre padronizaçao que gera um claro entendimento, entre os empregados, de que maneira deve ser feito, de forma também a insuflar a responsabilidade do processo em cada empregado. Os 5 Ss fazem referencia a letras japonesas, sendo elas:



  • Seiri (整理): Senso de utilizaçao. Refere-se a  prática de verificar todas as ferramentas, materiais, etc. na área de trabalho e manter somente os itens essenciais para o trabalho que está sendo realizado. Tudo o mais é guardado ou descartado. Este processo conduz a uma diminuiçao dos obstáculos a  produtividade do trabalho.
  • Seiton (整頓): Senso de organizaçao. Enfoca a necessidade de um espaço organizado. A organizaçao, neste sentido, refere-se a  disposiçao das ferramentas e equipamentos em uma ordem que permita o fluxo do trabalho. Ferramentas e equipamentos deverao ser deixados nos lugares onde serao posteriormente usados. O processo deve ser feito de forma a eliminar os movimentos desnecessários.
  • Seisō (清掃): Senso de limpeza. Designa a necessidade de manter o mais limpo possível o espaço de trabalho. A limpeza, nas empresas japonesas, é uma atividade diária. Ao fim de cada dia de trabalho, o ambiente é limpo e tudo é recolocado em seus lugares, tornando fácil saber o que vai aonde, e saber onde está aquilo o que é essencial. O foco deste procedimento é lembrar que a limpeza deve ser parte do trabalho diário, e nao uma mera atividade ocasional quando os objetos estao muito desordenados.
  • Seiketsu (清潔): Senso de padronizaçao. Refere-se a  padronizaçao das práticas de trabalho, como manter os objetos similares em locais similares. Este procedimento induz a uma prática de trabalho e a um layout padronizado.
  • Shitsuke (): Senso de auto-disciplina. Refere-se a  manutençao e revisao dos padrões. Uma vez que os 4 Ss anteriores tenham sido estabelecidos, transformam-se numa nova maneira de trabalhar, nao permitindo um regresso a s antigas práticas. Entretanto, quando surge uma nova melhoria, ou uma nova ferramenta de trabalho, ou a decisao de implantaçao de novas práticas, pode ser aconselhável a revisao dos quatro princípios anteriores.

      


                           Antes                                                              Depois


 


Com a implantaçao do módulo a Santa Casa acredita que excede o simples ambiente interno direcionando-se para a “qualidade”total.


 


 


 


 


 


 


 

Confira mais Notícias

Cresce número de casos de dengue atendidos na Santa Casa. Veja os sintomas

Santa Casa Cachoeiro só tem sangue para uma semana e faz apelo para doadores

Média de 93 pacientes atendidos por dia na Santa Casa durante o Carnaval

Quer brilhar no Carnaval? Veja os riscos e cuidados com a maquiagem e purpurina

Santa Casa Cachoeiro faz alerta para quem vai pegar a estrada no feriado de Carnaval

Lar de Idosos entra em ritmo de folia e promove tradicional Carnavô

Idosos fazem passeio panorâmico em pontos turísticos de Marataízes

Idosos fazem passeio e tomam sorvete para fugir do calor em Cachoeiro