Agendar Doação Sangue

Área do Médico

Portal do Colaborador

Pandemia faz aumentar número de atendimentos para idosos vítimas de queda

Com a necessidade do isolamento social causado pela pandemia do novo coronavírus, os idosos têm passado mais tempo dentro de casa. E isso fez aumentar também o número de quedas provocadas por acidentes domésticos. 

De acordo com dados da Santa Casa de Misericórdia Cachoeiro, hospital referência para esse tipo de atendimento, em 2019 foram registrados 449 casos contra 566 em 2020. 

Segundo o ortopedista Vinícios Barreto, a pandemia fez com que os idosos, por serem de grupo de risco, ficassem isolados em casa. Com isso, acabaram ficando mais expostos aos riscos de quedas. 

"Os principais motivos das quedas são desequilíbrio, osteoporose e outras doenças que não estão sendo tratadas", explicou. 

De acordo com o especialista, as principais fraturas causadas por queda de idosos são punho, ombro, vértebras e fêmur, que é a que tem maior gravidade. 

"Os principais cuidados é não usar meia dentro de casa, não deixar objetos espalhados pelo chão e instalar barras laterais no banheiro para ter apoio durante o banho", orientou. 
 

Confira mais Notícias

Santa Casa Cachoeiro forma quinta turma de residência em Clínica Médica

Cresce número de casos de dengue atendidos na Santa Casa. Veja os sintomas

Santa Casa Cachoeiro só tem sangue para uma semana e faz apelo para doadores

Média de 93 pacientes atendidos por dia na Santa Casa durante o Carnaval

Quer brilhar no Carnaval? Veja os riscos e cuidados com a maquiagem e purpurina

Santa Casa Cachoeiro faz alerta para quem vai pegar a estrada no feriado de Carnaval

Lar de Idosos entra em ritmo de folia e promove tradicional Carnavô

Idosos fazem passeio panorâmico em pontos turísticos de Marataízes