Agendar Doação Sangue

Área do Médico

Portal do Colaborador

Santa Casa inicia campanha para motivar mulheres a doarem sangue

 

Com o objetivo de sensibilizar as mulheres e aumentar o número de doadoras de sangue, a Santa Casa de Misericórdia de Cachoeiro inicia a campanha "Mulher de verdade doa sangue". Maio é o mês das mães e também conhecido como o das noivas, por isso, foi a data escolhida.

Para entender a importância desta campanha, em média a instituição recebe 552 doações por mês, destas, apenas 135 são mulheres. Em 2016, 75% dos doadores foram homens e 25%, mulheres.

Realizado desde 2012, o projeto visa acabar com os mitos que impedem as mulheres de doarem sangue.

Para a enfermeira Cintia Pimenta, coordenadora do banco de sangue, as doações femininas possuem menos chance de terem problemas. “As mulheres são mais cuidadosas com a saúde e consequentemente com menos índices de doenças transmissíveis, o que agrega mais segurança no sangue doado. Sem contar que algumas mulheres têm mais tempo disponível do que os homens, devido profissões informais ou sem vínculo empregatício”.

O hospital precisa continuamente de doações, atualmente o número de doadores por dia é de 22 quando o ideal seria 35.

Ainda segundo a enfermeira Cintia, com o passar dos anos, houve o aumento na procura, melhorando a prevalência de mulheres no serviço, entretanto o número ainda é pequeno.

A Campanha  que se iniciou na segunda-feira, 08, segue até o dia 31 de maio. As primeiras 50 mulheres que doarem sangue receberão brindes personalizados. O banco de sangue da Santa Casa Cachoeiro funciona de segunda a sexta-feira, de 7h às 16h e sábado, de 7h às 11h.

Vale ressaltar que além de abastecer sua própria demanda o hospital também fornece bolsas para o hospital Infantil Francisco de Assis e para a Filial Castelense.

 

O que você precisa para ser doadora:

 

– Ter entre 16 e 68 anos;

– Ter peso superior a 50 Kg;

– Não estar com suspeita de gravidez, grávida ou amamentando;

– Não ter tido hepatite após os 10 anos de idade;

– Não ser portador de doenças graves;

– Não ter feito tatuagem ou colocado piercing há menos de um ano;

– Não fazer uso de medicação controlada, inibidores de apetite, medicamentos para ansiedade e depressão;

– Apresentar documento oficial com foto (obrigatório);

– Em período menstrual só com a taxa de hematócrito ideal (verificada antes da doação);

– Após três meses de aborto ou de parto normal;

– Após seis meses de parto cesariana;

OBS: Jovens com 16 e 17 anos podem doar com autorização do responsável. Para primeira doação a idade limite é 60 anos.

Confira mais Notícias

Santa Casa Cachoeiro forma quinta turma de residência em Clínica Médica

Cresce número de casos de dengue atendidos na Santa Casa. Veja os sintomas

Santa Casa Cachoeiro só tem sangue para uma semana e faz apelo para doadores

Média de 93 pacientes atendidos por dia na Santa Casa durante o Carnaval

Quer brilhar no Carnaval? Veja os riscos e cuidados com a maquiagem e purpurina

Santa Casa Cachoeiro faz alerta para quem vai pegar a estrada no feriado de Carnaval

Lar de Idosos entra em ritmo de folia e promove tradicional Carnavô

Idosos fazem passeio panorâmico em pontos turísticos de Marataízes